A Bot oferece, além do ORÇAMENTO GRATUITO, o ENVIO GRATUITO do dispositivo por frete expresso de qualquer endereço do Brasil! Solicite AQUI

Um cartão de memória de celular pode carregar arquivos importantes — fotos e vídeos de uma festa, downloads de PDFs, documentos que você recebeu por WhatsApp e muitos outros. Por isso, saber como recuperar cartão de memória corrompido pode evitar muitas preocupações!

Neste artigo, mostraremos como um cartão de memória pode acabar sendo corrompido e o que fazer nessas situações para recuperar os dados perdidos.

Se você está passando por isso agora, saiba que existe solução! Acompanhe agora para saber tudo.

recuperar cartão de memória corrompido

O que é um cartão de memória?

Cartões de memória são dispositivos de armazenamento de dados, que podem ser utilizados em smartphones, tablets, câmeras digitais, videogames, MP3 players e outros aparelhos.

Cartões de memória são portáteis, não-voláteis (mantêm os arquivos mesmo sem energia) e podem ser regravados várias vezes — basta conectá-los ao dispositivo principal por uma porta de entrada. Em alguns casos, é preciso usar um adaptador.

Eles armazenam vários formatos de mídia — como imagens, vídeos, apresentações e documentos. Podem chegar a até 1TB de capacidade de armazenamento.

Existem diversos tipos de cartões de memória, que variam conforme a marca, a capacidade de armazenamento, a velocidade de gravação, entre outras características.

Estes são alguns:

  • Cartão SD (Secure Digital Card)
  • MicroSD e MiniSD — que atualmente são os mais usados em celulares
  • Memory Stick — bastante usados em câmeras digitais e outros aparelhos da Sony
  • MMC (MultiMediaCard), tecnologia mais antiga.

Como funcionam os cartões de memória?

Diferentemente dos discos rígidos (HDs), que realizam um processo mecânico para gravar os dados, os cartões de memória utilizam a memória flash. Com essa tecnologia, a troca de dados acontece por meio de um processo eletrônico.

O sistema é composto por dois transistores, que representam a porta de controle (que lê os dados) e a porta flutuante (que armazena os dados em células).

O processo de gravação, então, ocorre quando uma tensão elétrica é aplicada e altera a carga eletrônica da porta flutuante, de modo que a célula seja reescrita com novo conteúdo.

Essa tecnologia faz com que os cartões de memória sejam mais velozes na transferência de dados, mais duráveis e mais resistentes a impactos que outros dispositivos de armazenamento.

O que significa quando o cartão de memória está corrompido?

Embora o cartão de memória seja um dispositivo seguro, resistente e durável, ele pode sofrer danos que afetam os arquivos armazenados.

Como dissemos, a transferência de dados entre o cartão de memória e o dispositivo principal acontece eletronicamente.

Então, podem acontecer falhas eletrônicas, decorrentes de mau uso do dispositivo ou de ataques de vírus, por exemplo.

Além disso, o cartão de memória também pode sofrer danos físicos, acidentais ou intencionais.

Se o cartão quebrar ou sofrer danos nos seus contatos eletrônicos, os arquivos também podem ser corrompidos.

Nesses casos, os arquivos que estavam lá ficam inacessíveis, porque o computador ou celular não consegue mais reconhecer o cartão.

Mas, como vamos ver mais adiante, muitas vezes é possível recuperar o cartão de memória e ter acesso novamente a eles.

O que pode corromper um cartão de memória?

Existem algumas situações que podem corromper um cartão de memória. Confira a seguir algumas delas:

Infecção por vírus

O cartão de memória pode falhar devido à infecção por vírus ou ataques de malware. Por exemplo, se o seu smartphone baixar algum arquivo infectado acidentalmente.

De uma só vez, ele irá infectar seus dados armazenados no cartão de memória. Nesse caso, os dados se tornam ilegíveis e, enquanto isso, o cartão provavelmente também ficará inacessível.

Conversão inadequada do sistema de arquivos

Se for feita uma conversão inadequada do sistema de arquivos do cartão de memória, isso pode afetar os arquivos armazenados nele.

Em alguns casos, esses arquivos não podem ser trazidos para uma forma válida novamente e serão excluídos ou movidos para um diretório especial.

Normalmente, essas partes de arquivos recuperadas podem ser encontradas na pasta lost+found no diretório de nível superior do sistema de arquivos.

Remoção abrupta

Ao gravar dados em um cartão de memória, nem todos os dados são copiados imediatamente.

Em alguns casos, os dados são armazenados em cache na RAM ou em um disco rígido e, em seguida, transferidos para o cartão de memória quando estiver menos ocupado.

Antes que esses dados armazenados em cache sejam transferidos para o cartão, ele fica vulnerável à corrupção caso o dispositivo seja removido repentinamente ou se a energia for cortada.

Por outro lado, a ejeção segura do cartão é um processo que garante que todos os dados sejam gravados na unidade, para que não haja risco de perda de dados.

Em alguns casos, esse processo de ejeção segura pode demorar — especialmente se uma grande quantidade de dados precisar ser gravada ou se a unidade for particularmente lenta — porém ele é extremamente necessário.

Inserção incorreta

Assim como a unidade flash USB comum, um cartão de memória precisa ser inserido nos dispositivos para serem acessados. Portanto, é inevitável que você precise conectar e desconectar o cartão de memória.

Porém, se você inseri-lo incorretamente, usá-lo com muita violência ou em várias plataformas diferentes com frequência, o cartão de memória pode ser corrompido. Nesse caso, os dados armazenados nele serão comprometidos.

Conexão incompatível com os sistemas de arquivos

Um sistema de arquivos define como os arquivos são nomeados, armazenados e   recuperados de um dispositivo de armazenamento.

Sempre que você abre um arquivo em seu computador ou dispositivo inteligente, seu sistema operacional usa seu sistema de arquivos internamente para carregá-lo do dispositivo de armazenamento.

Porém, ele não consegue fazer nada disso caso esteja trabalhando com um cartão de memória incompatível — o que pode acontecer se seu sistema operacional utilizar, por exemplo, o sistema de arquivos NTFS e seu cartão usar o exFAT.

O que fazer quando o cartão de memória foi corrompido?

Um cartão de memória corrompido pode ser um grande problema. Se você armazena arquivos importantes nele, talvez bata um desespero… Mas não se preocupe: existem soluções!

Primeiramente, você pode conferir se os seus arquivos estão armazenados na nuvem. Nos dispositivos Android, é comum que fotos e vídeos do celular sejam sincronizados com o Google Photos.

Dependendo das suas configurações, outras pastas do cartão também podem ser sincronizadas. Portanto, antes de qualquer desespero, vá até lá para conferir.

Se os arquivos não estão na nuvem nem em outro tipo de backup, é preciso recuperar os arquivos corrompidos no próprio cartão de memória.

O primeiro passo para isso é simples: pare de usar o cartão. Se você tentar salvar novos arquivos na memória, a recuperação pode se tornar inviável. Vamos explicar por que isso acontece.

Quando os arquivos são deletados ou corrompidos no cartão de memória, eles se tornam inacessíveis, mas não desaparecem.

Assim como acontece em HDs e outros dispositivos de armazenamento, os dados continuam lá e podem ser recuperados.

Porém, se você armazenar novos arquivos, o espaço que eles ocupavam pode ser sobrescrito — e, nesse caso, eles desaparecem definitivamente. Por isso você deve parar de usá-lo.

Depois disso, procure uma empresa especializada em recuperação de dados, que pode analisar o seu caso e reaver seus arquivos em segurança.

Se o cartão de memória quebrou, molhou ou arranhou, também pare de usá-lo. Não tente resolver por conta própria, porque soluções caseiras podem inviabilizar a recuperação dos arquivos.

Conte com uma empresa especializada, como a Bot, que tem os equipamentos, profissionais e ambientes adequados para fazer os processos necessários para recuperação dos dados, sem chances de piorar a condição defeituosa do dispositivo.

Dito isso, confira a seguir algumas dicas adicionais do que você pode fazer quando o cartão de memória é corrompido:

Use a Verificação de erros

O Windows tem um recurso de “Verificação de erros” para suas unidades internas e externas que verifica erros relacionados ao sistema de arquivos e os corrige.

Siga os passos abaixo para reparar o cartão de memória corrompido usando a “Verificação de erros”:

  • Conecte o cartão ao seu PC
  • Pressione “Windows” + “E” para abrir o “Windows Explorer”
  • Clique com o botão direito do mouse no cartão e abra “Propriedades”
  • Clique na guia “Ferramentas”
  • Clique no botão “Verificar”
  • O processo de digitalização é iniciado. Após a conclusão da verificação, se forem encontrados erros, corrija-os seguindo as instruções na tela.

Usando o CHKDSK

Conecte o cartão de memória afetado ao PC via leitor de cartão e siga as etapas abaixo para corrigir o cartão de memória corrompido usando o comando CHKDSK:

  • Clique na opção “Iniciar” na barra de tarefas do Windows e selecione “Computador”
  • Procure seu cartão em “Dispositivos com armazenamento removível” e anote a letra de unidade atribuída
  • Clique na opção “Iniciar” novamente. Digite “cmd” na caixa de pesquisa
  • Clique com o botão direito do mouse em cmd e selecione “Executar como administrador”
  • Uma janela de comando é aberta, digite “chkdsk” seguido pela letra da unidade correspondente ao cartão, depois por dois pontos e /f (por exemplo, chkdsk E: /f)
  • Aperte “Enter”. O CHKDSK vai verificar possíveis erros e tentar corrigir o cartão de memória corrompido. Em seguida, siga as mensagens subsequentes para finalizar o processo.

Remova a proteção contra gravação do cartão SD para repará-lo

Se houver uma chave de proteção contra gravação física na lateral ou na parte inferior de um cartão SD, você pode remover a proteção contra gravação no cartão usando sua chave física.

Aqui estão as etapas para desbloquear o cartão protegido contra gravação:

  • Desconecte seu cartão SD do PC e encontre o bloqueador físico
  • Se o interruptor estiver do lado da trava, mude de ON para OFF para desbloquear o cartão SD
  • Feito isso, a proteção contra gravação deve ser desativada
  • Reconecte o cartão ao computador e veja se consegue acessar os arquivos salvos nele.

Se o seu cartão não tiver uma chave ou ainda estiver protegido contra gravação após desbloquear o cartão, você pode tentar resolver utilizando um antivírus.

Alguns vírus ou malwares desconhecidos às vezes podem criptografar seu dispositivo, adicionando proteção contra gravação e impedindo que você acesse os dados salvos.

A solução mais eficiente é executar um antivírus, removendo vírus de proteção contra a gravação do seu cartão de memória. Para isso:

  • Baixe e execute o antivírus em seu computador
  • Insira ou mantenha o cartão conectado ao seu PC
  • Execute o antivírus para verificar o cartão, limpando e removendo o vírus de proteção contra gravação.

Use a “Solução de problemas do Windows” para reparar o cartão SD corrompido

O recurso “Solução de problemas do Windows” geralmente encontra e corrige problemas relacionados a hardware e drivers.

Assim, você pode tentar corrigir erros do cartão de memória seguindo as etapas abaixo:

  • Conecte seu cartão ao PC
  • Selecione e siga o caminho “Iniciar” > “Configurações” > “Atualização e segurança” > “Solucionar problemas”
  • Selecione hardware e dispositivos e clique em “Executar a solução de problemas”
  • Em seguida, reinicie o computador, o problema do cartão deve ser resolvido.

Reinstale o driver para reparar o cartão SD corrompido

É provável que o cartão de memória não esteja sendo reconhecido pelo Windows e você não possa vê-lo no software gerenciador de terceiros.

Para que ele apareça novamente no Gerenciador de dispositivos do Windows, você pode tentar reinstalar o driver. Para tanto:

  • Pressione as teclas “Windows” + “X” e clique em “Gerenciador de dispositivos”
  • Expanda “Unidades de disco”, clique com o botão direito do mouse no nome do cartão de memória e clique em “Desinstalar”
  • Clique em “Ok”. Desconecte o cartão do seu computador
  • Reinicie o PC. Depois de um tempo, conecte o cartão ao seu computador novamente. O Windows vai instalar o driver mais recente automaticamente e tornará o cartão detectável.

Como recuperar um cartão SD que não reconhece?

Quando o celular ou computador não reconhece o cartão SD, nem sempre significa que os arquivos estão corrompidos, ok?

Talvez os contatos de metal do cartão de memória estejam sujos, por exemplo, muitas vezes por falta de cuidado e manutenção.

Se estiverem sujos, você pode limpar os contatos com uma borracha ou um cotonete com álcool (tenha cuidado nesse procedimento).

Se o problema for apenas esse, provavelmente o dispositivo vai reconhecer o cartão novamente.

Mas se o dispositivo não reconhece o cartão porque ele está corrompido, a solução é um pouco mais complexa.

Para isso, é importante procurar ajuda profissional para não correr riscos de perder os arquivos definitivamente.

Primeiramente, você pode tentar reparar o cartão SD pelo Windows, ao conectá-lo no PC. É possível usar o Prompt de Comando, que exige maior conhecimento técnico, ou acessar as Propriedades do dispositivo e verificar erros de sistema na unidade.

Porém, esses procedimentos têm poucas chances de sucesso.

Você também pode tentar usar um software ou aplicativo de recuperação de dados, mas é preciso ter muito cuidado.

Esses softwares fazem uma varredura no cartão de memória para tentar remontar o índice, que dá acesso aos arquivos novamente.

Porém, esse processo é complexo, pode demorar bastante e nem sempre tem bom desempenho na recuperação dos dados.

Qualquer problema ou manipulação errada do cartão de memória pode inutilizá-lo para sempre.

Além disso, essas ferramentas oferecem versões gratuitas limitadas, que permitem recuperar apenas determinada quantidade de dados.

Dessa forma, provavelmente você vai precisar investir em planos de assinatura para tentar recuperar maiores volumes de dados.

Por isso, vale a pena entrar em contato com quem já tem experiência e conhecimento em recuperação de dados.

Uma empresa especializada como a Bot sabe como recuperar o cartão de memória corrompido com total segurança e maiores chances de sucesso. Na maioria dos casos, é possível recuperar todos os arquivos em sua integridade.

Como formatar cartão SD corrompido pelo celular?

Quando o cartão de memória é corrompido pelo celular, os sistemas operacionais podem recomendar a sua formatação.

Esse processo faz uma limpeza no cartão e exclui todos os dados armazenados, para que ele possa ser usado novamente.

Então, você só deve formatar o cartão de memória no celular depois de recuperar todos os arquivos que estavam armazenados.

Quando eles estiverem seguros em outro dispositivo, a formatação vai zerar o armazenamento e eliminar qualquer problema ou resquício de malwares.

Assim, você pode usar novamente o cartão de memória com segurança, sem sofrer com a perda de dados.

Você pode fazer a formatação pelo computador ou no próprio smartphone.

Nos celulares Android, vá para “Configurações do dispositivo”, clique em “Armazenamento” e encontre o cartão de memória.

Em “Opções”, clique em “Formatar”. Os menus e nomes das funções podem variar de um dispositivo para outro, mas geralmente os passos são parecidos.

Como recuperar as fotos do cartão de memória corrompido?

Se você perdeu fotos do cartão de memória do celular, também pode tentar as soluções que apresentamos acima. Geralmente os procedimentos de recuperação de dados tem mais chances de sucesso com fotos (JPG ou RAW) do que com vídeos, que demandam mais do sistema.

Então, primeiramente, confira se as fotos não estão sincronizadas com o Google Photos ou armazenadas em algum outro backup.

Se não estiverem, você pode tentar reparar o cartão de memória pelo “Prompt de Comando” do Windows ou pela “Verificação de Erros nas Propriedades do cartão”.

Caso isso não funcione, é possível recorrer aos softwares de recuperação de dados.

Mas essas fotos provavelmente são importantes para você, não é?

Pode ser que você tenha guardado as fotos de um aniversário inesquecível no cartão de memória.

Pode ser que você trabalhe profissionalmente com fotografia e não possa perder fotos de clientes.

Por isso, é preciso garantir total segurança para recuperar o cartão de memória corrompido — e somente uma empresa especializada pode fazer esse processo de forma segura.

Conclusão

A Bot conta com profissionais experientes em diversas situações de perda de dados. Trabalhamos com a tecnologia, os softwares e os equipamentos ideais para recuperar diferentes dispositivos de armazenamento, como HDs, SSDs, pen drives e cartões de memória.

Contamos com salas totalmente higienizadas e adotamos protocolos rígidos de limpeza para impedir qualquer sujeira ou contaminação.

Com todo esse cuidado e a experiência de mais de 11 anos no mercado, aumentamos significativamente as chances de recuperação dos seus dados.

Assim, se você precisa recuperar um cartão de memória corrompido, entre em contato com a Bot.

Temos dezenas de unidades de atendimento, e você pode nos enviar seu dispositivo gratuitamente de qualquer lugar do Brasil. Preencha o formulário e inicie já a recuperação dos seus dados conosco!